Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
História do Município

Estrela d’Oeste é um município brasileiro do estado de São Paulo. A cidade tem uma população de 8.208 habitantes (IBGE/2010). Estrela d’Oeste pertence à Microrregião de Fernandópolis.

A História da Cidade

 

A região foi devassada desde o início do século XX, pelas rotas dos viajantes e boiadeiros que demandavam ao Porto de Taboado, no rio Paraná.

As terras do atual município de Estrela d’Oeste já eram habitadas desde 1925, quando lá se encontravam as famílias José Gonçalves, José Pontiffe, Manezinho Baiano, entre outras: e até antes quando as terras pertenciam à família de Antonio Cassimiro.

Porém, sua existência dentro da organização administrativa do Estado se deu quando construiu a pequena capela sob invocação de Nossa Senhora da Penha.

Os fundadores reuniram-se para escolha do nome da futura cidade e, por sorteio entre três sugestões apresentadas. A sugestão apresentada por José Mignoli, ‘Vila Alzira’, visava homenagear Alzira Matarazzo, a de Silvestre Aidar, ‘Vila Fagundes’, em homenagem ao poeta Fagundes Varela, e a de Hernani de Matos Nabuco, ‘Estrela d’Oeste’.

O nome Estrela d’Oeste foi escolhido em homenagem ao Presidente da República Dr. Getúlio Vargas, na data de vinte e três de janeiro de mil novecentos e quarenta e dois (23/01/1942), e como estava próximo de 25 de janeiro, dia do aniversário de São Paulo, resolveu-se comemorar este fato juntamente com o aniversário de São Paulo.

A cidade está situada no espigão divisor dos rios: São José dos Dourados e Rio Grande. O povoado desenvolveu-se primeiramente na Fazenda Ranchão, surgindo aí as famílias Miotto e Cotrim, cujas propriedades foram em partes loteadas dando causa a expansão do povoado.

Os Fundadores de Estrela d’Oeste são: Sylvestre Aidar, Hernani de Mattos Nabuco, José Mignolli.

Estrela d’Oeste foi elevada a município pela Lei nº 233, de 24 de dezembro de 1948, com terras desmembradas do distrito sede do município de Fernandópolis. Sua instalação verificou-se no dia 23 de abril de 1949. Pela Lei Estadual nº 8.051, o município foi elevado a categoria de Comarca em 31 de dezembro de 1963 e instalada em 25 de janeiro de 1969, tendo como pertencentes os seguintes municípios: São João das Duas Pontes, Turmalina, Dolcinópolis e Populina.

Estrela d’Oeste apesar de ser um município relativamente novo tem uma bela história para ser contada, que pode ser dividida em três fases: o apogeu; a decadência; e a "nova era".

O apogeu é relacionado às décadas de 50,60 e até a metade dos anos 70. Esse período é assim caracterizado por ter tido a maior população existente em Estrela d’Oeste, e também porque foi a grande época da agricultura do município, que com o café conseguiu o título na região de "Rainha do Café". Também é no final desta época que Estrela d’Oeste ganha mais importância no cenário político da região com o início da AMOP – (Associação dos Municípios do Oeste Paulista), criada pelo então Prefeito de Estrela d’Oeste o Senhor Clovis Cotrim.

A decadência se inicia logo após esse período com uma grande geada que acabou com o plantio de café da época. Isto ocorre mais ou menos na metade da década de 70, iniciando a fase sombria que Estrela d’Oeste estaria por passar.

O momento presente está no início da terceira fase ou chamada "nova era". Pois a cidade está se desenvolvendo sistematicamente com uma melhor infraestrutura, mostrando que no futuro se poderá chamar esta época de "nova era" mesmo.

 

DADOS GEOGRÁFICOS DA CIDADE

 

Com uma área de 297,1 km2 Estrela d’Oeste é um município relativamente pequeno comparado com sua área em 1957 que era de 972 km2. Isto se deve porque de 1957 para cá o município se dividiu em outros municípios como São João das duas Pontes, Dolcinópolis, Populina e Turmalina. E posteriormente para os municípios recém emancipados como Pontalinda e Vitória Brasil, apesar disto Estrela d’ Oeste é um município relativamente grande entre os pequenos municípios de sua região.

Localizada no espigão divisor do rio São José dos Dourados e Rio Grande, Estrela d’Oeste se localiza na região Noroeste do Estado de São Paulo. Em relação às coordenadas geográficas sua localização é a seguinte: 20º 18’ de latitude sul e longitude de 50º 20’ oeste.

Estrela d’ Oeste é situada em um relevo levemente ondulado com altitude média de 188 metros. Suas formas de relevo são denominados de Colinas Médias, por causa de interflúvios de 1 a 4 km2. Seu solo é denominado de arenito de bauru.

O município é banhado pelos córregos do Ranchão, do Açoita Cavalo, da Bruaca, do Desengano, do Viadão, da Taboa, do Viadinho, da Taboinha e pelo Ribeirão de Santa Rita.

 

Gentílico: Estrelense

 

Seus limites territoriais são:

 

- Norte – Turmalina

- Sul – São João das Duas Pontes

- Leste – Fernandópolis

- Oeste – Jales

- Noroeste – Vitória Brasil

- Sudoeste – Pontalinda

 

Estrela d’Oeste está situada a 575 km de distancia de São Paulo.

 

Seus estados vizinhos são:

 

- Mato Grosso do Sul – 70 km

- Minas Gerais – 60 km